23 Mar 2020

Esta técnica simples e eficaz de estimulação bilateral, envolve estimular os dois hemisférios do cérebro.
Antes de iniciar a técnica, certifique-se que tem à mão uma bola pequena, uma laranja ou maçã, ou um objeto que possa passar de uma mão para a outra.
Seguem-se os passos da técnica:
1 – Pense no que lhe está a causar ansiedade, perceba onde sente a ansiedade no seu corpo (por exemplo no estômago, no peito,…) e avalie a ansiedade numa escala de um a dez (em que dez é a ansiedade no seu extremo);
2 – Imagine agora uma linha mediana ao longo do seu corpo e estenda as suas mãos tocando-se em frente a si (na linha mediana do corpo);
3 – Com o objeto na mão, mantendo a mão vazia sempre esticada para a frente, na linha mediana, leve o objeto com a outra mão esticada para o lado correspondente a essa mão (toda esticada à direita ou à esquerda com o objeto na mão), ou seja, alterne o objeto de mão em mão, cruzando a linha mediana, estimulando ambos os hemisférios do cérebro;
4 РFa̤a este movimento durante 2 a 3 minutos;
5 – Pare e respire fundo;
6 – Pense na situação que o deixava ansioso, leve a atenção para o local no corpo onde sentia a ansiedade e avalie numa escala de zero a dez. Caso a ansiedade não tenha dissipado na totalidade, repita o processo.
Esta é uma técnica que poderá fazer em qualquer contexto. Assim que começar a sentir-se ansioso, simplesmente segure um objeto (uma garrafa de água, um copo, ou qualquer outro objeto que esteja próximo de si) e faça a técnica.